Produtos \ Soluções de armazenagem \

Grades convencionais

As Grades Convencionais, ou Estantes para Paletização, são o sistema de armazenagem de produtos de carga pesada indicado para o suporte de paletes.

A distribuição processa-se, geralmente, por meio de estantes laterais de um acesso e centrais de acesso duplo. A separação entre si, assim como a respetiva altura, dependem das características dos empilhadores, ou meios de elevação de carga, e de outra altura do armazém.

As paletes são normalmente manipuladas pelo lado mais estreito, uma vez que a construção de paletes do tipo Europaletes (800 X 1.200 mm) incorpora os três patins inferiores orientados para o lado de 1.200 mm, e estes devem apoiar-se perpendicularmente às vigas de apoio.

Por vezes, em especial para favorecer as operações, manipulam-se as paletes pelo lado mais largo, de 1.200 mm. Neste caso, as estantes precisam de elementos que permitam o apoio correto das paletes (vigas de apoio ou suportes).

O fundo do bastidor é determinado em função das dimensões da palete. Para uma Europalete com uma profundidade de 1.200 mm, o fundo do bastidor será normalmente de 1.100 mm.

  • Facilita a retirada das mercadorias, uma vez que é possível aceder diretamente a cada palete sem necessidade de mover ou deslocar as outras paletes.
  • Perfeito controlo de stocks, pois cada espaço representa uma palete.

Máxima adaptabilidade a qualquer tipo de carga, tanto em peso como em volume

DOBLE DEEP

Para poder armazenar um maior número de paletes, e dependendo do peso e do número de paletes por referência, é possível instalar estantes de fundo duplo, que permitem armazenar uma palete em frente a outra de cada lado do corredor.

Só é possível ter acesso direto às primeiras paletes, pelo que este sistema se recomenda apenas em produtos com várias paletes por referência, para evitar aumentar o tempo de manobra por movimentos duplos.
Este sistema necessitará de máquinas elevadoras apropriadas, com garfos telescópicos de fundo duplo.

CORREDOR

Para definir o espaço livre mínimo entre cargas é necessário saber qual o tipo e o modelo do empilhador. Este dado figura nas fichas técnicas dos empilhadores.

VIGAS

As vigas são os elementos horizontais e resistentes das estantes sobre os quais se depositam as cargas. Unem-se aos pilares por meio de conectores ou grampos que encaixam nas ranhuras dos pilares. No sistema de união, as saliências destes conectores estão unidas ao corpo principal por ambas as extremidades, o que permite aumentar consideravelmente a capacidade de carga e evita as deformações que se produzem quando a parte superior e inferior não estão unidas ao corpo do grampo ou do conector. Deste modo, evita-se o risco de queda da viga, que poderia produzir-se se esta se começasse a abrir como resultado de um uso contínuo. Cada viga incorpora dois gatilhos de segurança que evitam uma eventual queda acidental.

As medidas dos níveis de carga são definidas pelo número e pelas dimensões das paletes a armazenar.

PROTECÇÃO PILAR-BASTIDOR

As proteções têm uma altura de 400 mm e incluem 4 buchas para a sua fixação ao solo.

Utilizam-se para a proteção contra choques ou possíveis danos nos pilares das instalações em que circulam empilhadores.

PROTECÇÃO LATERAL REFORÇO DE PILAR

Protege lateralmente a parte inferior da estante. Normalmente é colocada nos bastidores dos extremos e nos corredores onde os choques ocorrem com maior frequência.

  • Componentes
  • Viga LT110
  • Viga LT125
  • Viga LT95
  • Viga LT150
  • Protector de Pilar
Orçamentos | Informações | Questões

+351 234 623 490